Centros Educ

Centro EDUC

O Centro Educ, visa funcionar, sobretudo, como escola do ensino primário no interior dos bairros desfavorecidos.
O primeiro Centro Educ, com capacidade para albergar 250 crianças, entrou em funcionamento no município do Kilamba Kiaxi, distrito do Golfo II, no dia 19 de Fevereiro de 2018.

Enquadramento

Centro Educ é um vector do projecto Rede de Suporte Educacional (RS Educ-1).
O projecto RS Educ-1, visa dar apoio às famílias desfavorecidas cujas quais sem o nosso suporte teriam dificuldades em colocar e/ou manter as crianças na escola – da primeira classe até ao primeiro ciclo.

Visão

Ter uma sociedade em que todas crianças em idade escolar estejam inseridas no sistema de ensino.

Missão

Inserir no sistema de ensino e proporcionar condições necessárias de aprendizagem, todas às crianças desfavorecidas e em idade escolar.

Valores

A responsabilidade, a humildade, a prudência, o humanismo, a solidariedade, a integridade, o trabalho, a disciplina, o compromisso, a dedicação e o amor ao próximo são valores basilares, onde assentam os pilares da sua edificação.

Âmbito

Projecto de âmbito nacional.

Objectivo geral

Contribuir para a redução do número de crianças que se encontram fora do sistema de ensino, elevar o nível educacional da população e no processo reduzir a pobreza.

Objectivos específicos

• Fornecer uma educação académica gratuita, inclusiva e de qualidade, alinhada com o plano nacional de educação;
• Fornecer uma educação com forte pendor na componente da moral, cívica, ética e responsabilidade social;
• Ensino de língua estrangeira (Inglês) e de introdução à literacia financeira;
• Desenvolver diversas habilidades e contribuir para o desenvolvimento integral da criança;
• Incentivar a participação activa das famílias na educação das crianças nos centros EDUC.

Metas

Construção, até 2030, de 930 Centros Educ, com capacidade para albergar acima de 333.000 crianças.
De notar, que o plano estratégico da Fundação, contempla a inclusão, até 2030, de 1 milhão de crianças no sistema de ensino, no âmbito do projecto RS Educ-1.
De referir, que em 2018, o país apresenta um registo de mais de 2 milhões de crianças fora do sistema de ensino.

Público-alvo

• Toda à criança tutelada por famílias consideradas desfavorecidas.
Critérios de elegibilidade da criança
• Pertencer a um agregado familiar com rendimento igual ou inferior a 25.000,00 kwanzas por mês ou rendimento per capita inferior a 200,00 kwanzas por dia;
• Crianças em idade escolar tuteladas por famílias desfavorecidas;
• Residir em áreas consideradas de acção prioritária.
• Casos excepcionais serão considerados.

Professores

Os professores do Centro EDUC serão, na sua maioria, mentores do projecto RS Educ-1 (alunos do ensino Médio e/ou Universitário) com formação pedagógica.

Modo de financiamento

O Centro Educ será financiado por pessoas singulares ou colectivas que decidam apadrinhar uma ou mais crianças.
Acordo de Financiamento das crianças no Centro Educ;
Acordo de financiamento das crianças desfavorecidas do Centro Educ é realizado entre o proponente; financiador/padrinho e a Fundação Educ.

Montante de financiamento das crianças do Centro Educ

Financiador/padrinho, irá ajudar/apoiar mensalmente, financiando uma ou mais crianças desfavorecidas, com um montante mínimo de 2.500 Kwanzas por criança (AKZ 2.000,00 para a criança e AKZ 500,00 para o mentor).

Duração do compromisso com a criança

• O compromisso do padrinho com a criança tem a duração de um ano. O Acordo tem a data de início do mês do primeiro pagamento do padrinho/madrinha e é renovado automaticamente enquanto o padrinho/madrinha não manifestar por escrito a intenção de cessar o acordo.
• Reserva-se ao padrinho/madrinha o direito de cessar o acordo caso a Fundação não apresente os relatórios de prestação de contas.

Cessação do acordo entre financiador/padrinho e a criança
• O acordo pode ser renunciado a qualquer momento, bastando, para o efeito, enviar à coordenação do Centro Educ ou para a administração da fundação Educ, uma comunicação escrita manifestando tal desejo.
• Na eventualidade de atraso superior a dois meses, no apoio financeiro acordado, a fundação reserva-se o direito de cessar o acordo existente, assumindo ela o compromisso com a criança no remanescente do ano escolar.
Limite de crianças por financiador/padrinho
• Uma pessoa singular não deverá ter sobre a sua alçada um número superior a 10 crianças

apadrinhadas/amadrinhadas.
• Contudo, condições excepcionais poderão ser consideradas.
• Em casos de pessoas colectivas não existe qualquer objecção quanto ao número de crianças por apadrinhar.

Modo de Funcionamento do Centro
• O centro EDUC, possui: um (1) Coordenador Geral; um (1) Coordenador pedagógico; oito (8) professores e; uma (1) equipa da limpeza;
• O Centro Educ obedece, na sua essência, o plano curricular estabelecido pelo Ministério da Educação;
• O Centro Educ obedece, na sua essência, o calendário escolar estabelecido pelo ministério da educação;
• O Centro Educ, funciona de 2ª a 6ª feira nos períodos de manhã, das 7:30 às 12 horas, e de tarde, das 13h:00 às 17h:00 horas.

Duração do Centro

Tempo indeterminado.

Conceitos Essenciais do Centro Educ

• Família desfavorecida – Agregado familiar cujo rendimento é igual ou inferior a 25.000,00 kwanzas por mês ou rendimento per capita é inferior a 200,00 kwanzas por dia.
• Professores – mentores do projecto RS Educ-1 (alunos do ensino Médio e/ou Universitário) com formação pedagógica.
• Mentores – alunos do ensino Médio e/ou Universitário que participam no projecto RS Educ-1
• Padrinhos/Madrinhas – Pessoas singulares ou colectivas que se comprometem em apoiar monetariamente uma ou mais crianças desfavorecidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *